quarta-feira, 26 de fevereiro de 2014

2014 Oscar Presenters and Nominees

Quatro DIAS!

Eu, como já disse pude assistir todos os filmes que estão concorrendo ao Oscar este ano, e... foram liberados os apresentadores da noite!  Não podia ser mais marcante pra mim, após 7 anos Ellen Degeneres será novamente a Host da noite! Estou ansiosa, mais do que quando Hugh Jackman foi o apresentador! Ellen já teve se não todos, quase todos os presenters da noite, assim como o elenco da maioria dos filmes. 
Ela se sentirá em casa no meio de tantas estrelas, e fará com que o público também se sinta... Inclusive, acho que a audiência do show irá superar as expectativas da Academia, afinal, Ellen é do povo, e o povo vai querer prestigiar sua noite!

Bom, Foto de alguns dos apresentadores que foram liberados ela academia!
Os gatos, as gatas!


Sempre espero demais desses eventos, adorei o Golden Globe (não escrevi sobre ele ainda), e adoro quando sei que artistas que eu gosto de ver fora do cinema vão desfilar no Red Carpet!
Com certeza vamos ver bons lançamentos como The Amazing Spider Man e  Maleficent (hope so).

Bom, tenho comentado as vezes no meu www.filmow.com sobre cada um dos filmes. Faz algum tempo que não critico um filme aqui... então;


“12 anos de escravidão”
Mereceu todos os prêmios, Bafta, Globo de Ouro e Critics Choice Awards,  levando o prêmio de melhor filme! Com certeza, baseado nos três prêmios que o Oscar está garantido! Eu ficaria surpresa demais se não ganhasse, inclusive de melhor roteiro adaptado. A escolha do cenário, os atores, e fotografia impecável.
Que atuação de Lupita Nyong'o, por ser seu primeiro longa, ela surpreendeu, nos passou sofrimento e acho que a maioria se comoveu com sua história, assim como Chiwetel Ejiofor, que pra mim merece demais o papel para de Melhor Ator, todas as suas expressões foram totalmente convincentes e acho que ninguém faria Solomon Northup melhor.. E Fassbender, como não admirar sempre sua atuação? Rígido, expressivo... ótima escolha. 
Que história linda. 
“Gravidade”
Aquele filme que achamos que não vai nos prender por ter apenas um, ou dois personagens em toda a trama. Alfonso Cuarón ganhou alguns prêmios com o filme, os efeitos visuais são impressionantes, a atuação de Sandra Bullock então, amazing! Ela também é indicada e ganhou melhor atriz no Critics Choice Awards em melhor filme de ação. O filme é pura adrenalina, você torce para seu parceiro (George Clooney) voltar, tudo vai dando errado, e aquela agonia que nos prende a tela e ter esperança pelo personagem! É o tipo de filme que nos faz querer o que vai acontecer, e não vemos o tempo passar até que ele termina!

“Trapaça - AMERICAN HUSTLE
Cansativo, é o que todos estão falando sobre o filme. Não é um filme óbvio para o público que, como eu está acostumado a com a história mocinho-vilão, uma história romântica, ou com vítimas dos golpistas... é um filme imperfeito. Acabei gostando e odiando todos os personagens ao mesmo tempo, fazendo com que ninguém fosse inocente ou culpado  A trama se desenvolve naturalmente, os personagens são fortes e impulsivos, e o elenco acho que foi o segredo para o sucesso do longa. E seus personagens imperfeitos e desesperados deram vida ao roteiro, o humor foi na medida certa, adorei o personagem de Christian Bale e achei todas as atuações ótimas! Que trilha sonora e que figurino! 
Quanto ao Oscar indicações para: melhor filme, diretor, ator, atriz, ator coadjuvante, atriz coadjuvante, roteiro original, figurino e produção.
Achei um ótimo concorrente, gostaria de saber o que acharam de Nebraska, alguns dizem que filmes cotidianos são cansativos...

“Capitão Phillips”
Ótima adaptação de três livros que contam sobre o Sequestro de Richard Phillips em 2009. Eu não sei vocês, mas eu fiquei tensa o filme todo. Gostei muito pela forma que ambos os capitães demonstraram seus lados e situações, a dos vilões somalianos, preocupados com a sobrevivência assim como a tripulação de Phillips que não deixaram seus postos e trabalho, seguindo os dois capitães ordens superiores, os dois protegendo seus 'homens'. Também achei muito boa a personalidade de cada um dos somalianos, que apesar de piratas e agressivos, se tornaram humanos deixando a trama mais real. Barkhad Abdi se destacou e já ganhou o BAFTA de melhor ator coadjuvante, é indicado ao Oscar e foi indicado ao SAG, Critics e Globo de Ouro, mas acabou perdendo para Jared Leto. Suas indicações são merecidas, afinal sem experiência nenhuma e ser responsável por tanto suspense é incrível! Acho que isso pesou muito, porque Leto também ficou um bom tempo ausente das atuações. Falar de Tom Hanks é inspirador, ele escolhe papeis que o vestem, Phillips sobreviveu por ser inteligente e calmo, acho que Hanks conseguiu transpassar perfeitamente sua pessoa. Pra terminar, não sei se ocorreu mesmo o resgate da forma mostrada, mas mostrou a eficiência do resgate e os recursos americanos de uma forma talvez exagerada. E amei o personagem e a atuação de Max Martini (O negociador), pode passar despercebido para alguns mas me chamou muita atenção sua firmeza e autoridade.


“Clube de compras Dallas”
A realidade é puramente implacável e o roteiro mostra exatamente essa dificuldade, toda ignorância e o desrespeito que havia e ainda há nas industrias farmacêuticas, hospitalares e as normas jurídicas falhas. A discriminação e a falta de comprometimento médico com a vida é absurda... Um filme sensacional que mostra o quão difícil foi a luta daqueles com uma infecção viral intratável... Matthew McConaughey não poderia estar melhor, me surpreendi com a atuação! Ganhou o Critics Choice Awards, Globo de ouro como melhor ator em Drama, e Jared Leto, irreconhecível, maravilhoso que mereceu demais os prêmios de melhor ator coadjuvante no Globo de Ouro! Aposto em Jared para o Oscar com certeza! E Chiwetel Ejiofor vai competir com McCounaughey. Que disputa!

“Ela”
Roteiro original inovador, dadas as circunstâncias de hoje em dia, onde a tecnologia praticamente move o mundo, pode ser que a trama se passe em um futuro próximo. Uma ficção dramática que acredito que caminha para falar sobre a solidão e nossas necessidades de se relacionar, mesmo que seja com um computador programado para relacionar especificamente com cada personalidade. Dentre os filmes atuais que tratam sobre tecnologia, este com certeza é o mais original, e é possível você torcer para um "robô" se tornar humano, nós nos apegamos a eles, como em "Eu, Robô", "Inteligencia Artificial", ou "Pinóquio, mas eu não esperava que uma voz pudesse nos cativar tanto. Inteligente, espirituoso e emocional, o software é uma tentativa eletrônica de ajudar o humano, já totalmente tomado pela dependência tecnológica a resolver os problemas e viver melhor. Tenho que dizer, Scarlett Yohansson conseguiu ser sensual sem mostrar seu corpinho, não deixando a desejar mesmooo! Fez um ótimo trabalho! 

“Nebraska”
Quem diria que um filme black&white, com uma trilha sonora única, além das músicas do karaokê, falando sobre a vida ordinária de um casal que viaja até a cidade onde cresceram... pudesse fazer com que tantas pessoas de familiarizassem! E que fotografia! Alexander Payne definitivamente prestou atenção nos detalhes. Ótima atuação de Brune Dern e June Squibb, super engraçada e natural! Merecidas indicações para o Oscar!
Eu no início achei que iria ser um filme massante, mas os diálogos simples, o humor e as diferentes personalidades cativam! A realidade é simples, e a história cotidiana nos faz tirar ótimas lições sobre a vida.

“Philomena”
Gostei da adaptação da história verdadeira de Philomena, trágica e com certeza faz com que qualquer um se emocione!  Eu não conhecia a história, (SPOILER) e estava torcendo para que ela encontrar seu filho, conseguimos chorar com ela e rir também, que personalidade linda que Judi Dench deu a Philomena, que perspectiva inspiradora que nos dá da vida!!! Chorei, me diverti e me enfureci, hoje é difícil um filme que traga à tona tantas emoções! É um soft drama, que além da religião, aborda assuntos do cotidiano como homossexualidade, esperança e as diferenças das visões de hoje e antigamente.
Steve Coogan foi essencial no filme, equilibrando a inocência de Philomena e fazendo o que nós, telespectadores provavelmente faríamos! 

“O Lobo de Wall Street”
Sem palavas, o roteiro adaptado por Terence Winter não podia estar melhor... o que posso dizer é que, quando Leonardo DiCaprio está no elenco eu espero que o filme seja O MÁXIMO. Fala sério, o rostinho bonito que fez sucesso com as menininhas nos anos 90, tem muito mais conteúdo e bom gosto que muitos atores pioneiros. Depois de "A Praia" (que por sinal, maravilhoso filme e atuação), me diga um filme ruim que ele tenha feito, tá. Mas isso não é sobre Leonardo DiCaprio, do filme tenho a dizer: é só espetacular... O roteiro foi escrito de maneira impecável e ativa, que chega a ser difícil acompanhar, porque acontece tanta coisa em apenas três horas, e quando você vê já acabou... Achei um filme engraçado, os personagens casaram muito bem, eu particularmente não gosto de Jonah Hill, não gosto de sua atuação, mas isso sou eu. Respeito completamente a opinião de quem gosta do cara. Jordan Belfort obrigado por ter feito toda essa sujeira! hahahahahahaha.

6 comentários:

Betty Gaeta disse...

Eu só assisti ao Lobo e Gravidade e gostei médio de ambos. Os demais ainda não passaram na minha cidade, mas quero muito ver. Estou apostando em "12 anos de escravidão".
Obrigada pela visitinha.
Bjs e um ótimo meio de semana para vc.

GOSTO DISTO!

Anônimo disse...

ótimos filmes!

Todos!

Angela Cristina disse...

Olá querida.Vim assim que vi sua visita e vim correndo retribuir o carinho. Gostei de passear por aqui e prometo voltar sempre.
Também sou vidrada em filmes bons. Valeu!!
Já deixei minha carinha aí.
Volte sempre que puder.Abraços...
MELISSA E ALECRIM.

O meu pensamento viaja disse...

Quase já vi todos! Adoro cinema.
Já sou sua seguidora.
Beijo

Pérola disse...

E já estamos bem pertinho da data.

Beijos

aluap disse...

Também sou uma que adoro ver o desfile no Red Carpet!

Excelente Post!